top of page

Projeto "Tênis para Todos Paraisópolis" é premiado pela 4ª vez com o Selo de Direitos Humanos e Diversidade

O projeto, realizado desde 2018 na segunda maior favela de São Paulo, foi premiado na 6ª edição do Selo de Direitos Humanos e Diversidade, pela 4ª vez consecutiva na categoria Crianças e Adolescentes.

Essa categoria reconhece projetos voltados a crianças e adolescentes que proporcionam oportunidades para que cresçam de forma saudável, adquiram conhecimentos, habilidades e se tornem cidadãos ativos e participativos na sociedade.

projeto tenis para todos paraisopolis recebe selo

O Selo é um reconhecimento anual da Prefeitura de São Paulo a iniciativas e projetos de empresas privadas, órgãos públicos, organizações da sociedade civil e coletivos de todos os portes que promovam e defendam os direitos humanos e a diversidade no Município de São Paulo, sejam eles voltados à sociedade em geral e/ou internos à organização.


"Tênis para Todos Paraisópolis" oferece oficinas de iniciação e apresentação do tênis para os alunos de 06 a 14 anos, da rede pública de ensino da região, com aulas na EMEF Dom Veremundo Toth e CEU Paraisópolis. Inclui um planejamento de aulas e conteúdos (ações transversais) com exercícios de convivência com o outro, desenvolvimento de competências socioemocionais, habilidades de cognição, raciocínio lógico e análise, força e velocidade, jogos, palestras e rodas de conversas, passeios culturais esportivos, oficinas bimestrais com os familiares dos beneficiados e a Rede de Proteção Social. Ao longo das cinco edições, o projeto já beneficiou mais de 3 mil crianças e adolescentes de Paraisópolis.


“O projeto vai para sua sexta edição agora em 2024 e a cada ano se consolida ainda mais. Ele é fundamental para promover ações, exercícios e oportunidades a fim de melhorar a qualidade de vida de crianças e adolescentes da região, e também detectar situações e alunos em maior situação de vulnerabilidade. Estamos muito felizes com mais esse reconhecimento do Selo, pois mostra que estamos no caminho certo e transformando vidas”, explica Ana Cristina Amaro, presidente do Cades.

Após o recebimento do Selo, é estabelecida a Rede do Selo, que reúne todas as organizações cujas iniciativas foram reconhecidas, com a vigência de um ano. O início da Rede é marcado pela Cerimônia de Premiação do Selo, onde esteve presente o vice presidente do Cades, Joca Calmon, para receber o troféu.



instituto cades recebe premio do selo de direitos humanos


A Rede do Selo tem por objetivo viabilizar a troca de experiências e desenvolver atividades que contribuam para a promoção e defesa dos direitos humanos e da diversidade. Neste espaço, representantes das iniciativas reconhecidas dialogam entre si e com especialistas.




GOSTOU?


Você pode apoiar nossa causa e contribuir para levar esse e outros projetos para mais crianças de escolas públicas. Clique aqui e seja um doador!

 

Comentarios


Siga
  • Facebook Basic Square
bottom of page